Conferência “Observatório Internacional para as Matérias-Primas (Projeto INTRAW)”

Decorreu no passado dia 19 de janeiro, no Laboratório Nacional de Energia e Geologia, em Alfragide, a conferência “Observatório Internacional para as Matérias-Primas (Projeto INTRAW), proferida pelos membros da Comissão Diretiva da APG Mónica Sousa e José Romão. Esta conferência, que pretendia divulgar os resultados do projeto europeu INTRAW, foi, igualmente, realizada no dia 24 do corrente mês, no Departamento de Geologia da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro.

O projeto INTRAW  teve como principal objetivo mapear as melhores práticas e desenvolver novas oportunidades de cooperação relacionadas com as matérias-primas entre a União Europeia e cinco países tecnologicamente avançados (Canadá, Japão, África do Sul, Austrália e Estados Unidos da América), em resposta a desafios globais semelhantes, abordando os seguintes aspetos: investigação e inovação; estratégias e políticas relacionadas com as matérias-primas; programas conjuntos de competências e educação; procedimentos para a concessão de licenças, direitos e políticas fiscais; sistemas de fornecimento de dados; práticas de exploração, extração, processamento e reciclagem; gestão e substituição de matérias-primas estratégicas.

O resultado das atividades de mapeamento e transferência de conhecimento serviram de base para preparar e lançar o Observatório Internacional para as Matérias-Primas, uma organização internacional sem fins lucrativos, independente e apolítica que tem como missão a gestão do conhecimento sobre as matérias-primas. O Observatório será constituído por um corpo internacional permanente a manter-se operacional após o fim do projeto com o objetivo de estabelecer e manter relações fortes a longo prazo com os principais agentes mundiais dos desenvolvimentos tecnológicos e científicos na área das matérias-primas.

Sob a coordenação da Federação Europeia de Geólogos, o projeto INTRAW reuniu um consórcio internacional de 15 parceiros com vasta experiência em investigação, inovação, educação, indústria, comércio e networking internacionais ao longo de toda a cadeia de valor das matérias-primas.

A Associação Portuguesa de Geólogos participou neste projeto como Terceira Parte Associada à Federação Europeia de Geólogos.

Este projeto recebeu financiamento do Programa-Quadro de Investigação e Inovação Horizonte 2020 da Comissão Europeia sob o contrato de subvenção n.º 642130.

MAIS INFO [+]

No comments yet»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: